Fale Conosco

Notícias

Matheus Pereira brilha e Cruzeiro vence Cuiabá no Campeonato Brasileiro

Com brilho de Matheus Pereira, que marcou um gol e deu uma assistência, o Cruzeiro venceu o Cuiabá por 2 a 1, na noite desta quinta-feira (13), no Mineirão. Rafa Silva fez o outro gol cruzeirense e Clayson balançou as redes para o Cuiabá, no confronto válido pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, a Raposa encostou na parte da tabela, com 13 pontos. O Dourado, por sua vez, é o 19º colocado.

O próximo jogo do Cruzeiro será no domingo (16), às 18h30 (de Brasília), diante do Vasco. A partida, válida pela 9ª rodada do Brasileirão, será em São Januário, no Rio de Janeiro. O Cuiabá volta a campo no mesmo dia e horário, como mandante, diante do Fortaleza, também pelo Brasileirão.

Um minuto de silêncio

Antes da bola rolar para o jogo entre Cruzeiro e Cuiabá, foi respeitado um minuto de silêncio pelo falecimento do ex-zagueiro William, de 90 anos. Ele vestiu a camisa celeste nos anos 1960 e foi campeão da Taça Brasil, em cima do poderoso Santos, de Pelé.

Assina ou não asssina, Matheus Pereira?

O empresário Eduardo Maluf, que cuida da carreira do meia-atacante Matheus Pereira, esteve no Mineirão para acompanhar o jogo do Brasileirão.

Em breve contato com a reportagem, Maluf respondeu à Itatiaia ainda no estacionamento do Gigante da Pampulha. Ele mostrou otimismo pelo acordo. “Tudo tranquilo. Vamos aguardar um pouquinho. Vai dar certo”, disse o empresário.

Primeiro tempo

O jogo começou morno no Mineirão e o Cruzeiro demorou a engrenar. O time celeste se manteve mais em cima do Cuiabá, mas desperdiçava muitas oportunidades ofensivas. Por inúmeras vezes o time celeste chegava pelas laterais, mas errava muito nas tentativas de cruzamentos.

Enquanto a Raposa pressionava, o Dourado se defendia e buscava os contra-ataques. O adversário não se envergonhou em momento nenhum de jogar por uma bola, esperando os erros do time celeste.

Aos 27 minutos, Barreal obrigou Walter a fazer defesa crucial. Era a primeira grande chance do Cruzeiro, que dava espaços para o rival. Dessa forma, os visitantes tiveram duas chances claríssimas de gol, a melhor delas com Clayson. Sozinho, o atacante chutou por cima do gol de Anderson, para a sorte da equipe de Fernando Seabra.

O primeiro tempo se encaminhava para o fim, quando William colocou a bola, na medida, na cabeça de Matheus Pereira. O camisa 10 não perdoou o goleiro Walter, e abriu o placar no Mineirão.

Segundo tempo

Na etapa final o jogo ganhou emoção. Mais dois gols agitaram o estádio, um para cada lado, decretando a vitória cruzeirense.

O atacante paraguaio Pitta, do Cuiabá, chegou a balançar as redes e deixar o placar igual no Mineirão após cobrança de pênalti. Zé Ivaldo derrubou Clayson na área, e a arbitragem não titubeou na marcação da penalidade.

Apesar do susto, os visitantes não tiveram tempo para comemorar. Três minutos depois, Rafa Silva desempatou, após outra boa jogada de Matheus Pereira.

Mesmo sem muito ímpeto, o Cruzeiro seguiu em cima. Foram duas bolas na trave: primeiro com William, aos 41, e depois com Matheus Pereira, que carimbou o travessão após chute aos 46.

O Cuiabá pressionou nos minutos finais. Mesmo assim, o time celeste conseguiu segurar a vantagem e bateu o Dourado.

Técnico do Cruzeiro com problema

Fernando Seabra, técnico do Cruzeiro, mesmo com problema de saúde em sua família, comandou o Cruzeiro contra o Cuiabá. Apesar de ter ficado no banco de reservas, o treinador não concedeu entrevista ao fim da partida. Ele precisou viajar logo depois do confronto. Por isso, o auxiliar Álvaro Martins foi o escolhido para conversar com a imprensa após o duelo.

Cruzeiro 2 x 1 Cuiabá

Cruzeiro: Anderson; William, Zé Ivaldo, João Marcelo e Kaiki (Villalba); Lucas Romero (Ramiro), Lucas Silva (Vitinho), Álvaro Barreal (Japa) e Matheus Pereira; Gabriel Veron (Robert) e Rafa Silva. Técnico: Fernando Seabra

Cuiabá: Walter; Railan, Marllon, Alan Empereur e Ramon; Lucas Mineiro, Denilson (Lucho Giménez), Max (Guilherme Madruga); Jonathan Cafu, Pitta e Clayson (Andre Luis). Técnico: Petit

Motivo: 8ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro

Data e horário: quinta-feira, 13 de junho de 2024, às 19h (de Brasília)

Local: Mineirão, em Belo Horizonte-MG

Público: 26.595 presentes

Renda: R$ 776.196,00

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE)

Assistentes: Renan Aguiar da Costa (CE) e José Moracy de Souza e Silva (CE)

Árbitro de vídeo: Charly Wendy Straub Deretti (Fifa-SC)

Gols: Matheus Pereira (aos 45′ 1T), Pitta (aos 18′ 2T), Rafa Silva (21′ 2T)

Cartões amarelos: Ramon e Marllon (CUI); Rafa Silva, Anderson e Matheus Pereira (CRU)


Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *