Fale Conosco

Notícias

Nutico vence Santa Cruz no Clssico das Emoes e assume liderana do estadual

<i>(Foto: Rafael Vieira/DP FOTO)</i>

Deu Timbu no Clássico das Emoções. Neste sábado (27), o Náutico venceu o Santa Cruz  por 2 a 1, no estádio do Arruda, e assumiu a liderança do Campeonato Pernambucano. Os gols do Alvirrubro foram marcados por Marcos Júnior e Paulo Sérgio. Já o Tricolor balançou a rede com João Diogo. Com o resultado positivo, o Timbu mantém um tabu de quatro anos, sem perder para a Cobra Coral.

 

Agora, o Timbu, com 11 pontos, assumiu a primeira posição do Campeonato Pernambucano. A Cobra Coral, por sua vez, amarga apenas a quinta posição. As duas equipes voltam a campo na próxima quarta-feira (31). O Santa Cruz visita o Porto, às 19h, no Lacerdão. O Náutico, por sua vez, recebe o Petrolina, às 21h, nos Aflitos.

O jogo

Os primeiros minutos da partida fizeram jus à alcunha do clássico começo marcado por emoção. No primeiro ataque alvirrubro, aos dois minutos, Júlio César cobrou falta para área, Marcos Júnior apareceu livre, para cabecear sem chances para André Luiz. Com a vantagem no placar, a Cobra Coral se mostrou nervosa dentro de campo. O Timbu, por sua vez, aproveitou para dominar as ações da partida. E novamente em bola parada, pelo lado esquerdo, Júlio César cobrou na área, o zagueiro Rafael Vaz chutou no canto e André Luiz fez grande defesa, evitando o segundo gol alvirrubro.

 

Pouco a pouco, o Tricolor do Arruda foi se assentando em campo. Aos 21 minutos, em jogada individual de Matheus Melo, que foi até a linha de fundo, mesmo desequilibrado, conseguiu o cruzamento para João Diogo escorar para o fundo das redes, deixando tudo igual no Clássico das Emoções.A partir daí,  o Santa Cruz empurrou o Náutico para o campo de defesa. Mas, não conseguiu criar grandes oportunidades para a meta de Vagner. Do outro lado, em boa trama pela esquerda, Luiz Paulo cruzou na cabeça de Ray Vanegas, que livre, cabeceou e a bola saiu perto da meta.

<i>(Foto: Rafael Vieira/FPF)</i>

 

A segunda etapa foi marcada pela forte defesa de ambas as equipes, uma vez que nenhuma delas conseguiu criar jogadas de risco e seguiram fechadas. Pouco a pouco, o Náutico passou a assumir o controle da posse de bola, apostando em chutes de fora da área para tentar surpreender a defesa coral. O Santa Cruz apresentou uma segunda etapa lenta, com muitos erros na saída de jogo.Aos 35 minutos, Thalissinho sai cara a cara com André Luiz, o atacante da base demora para chutar e finaliza em cima do arqueiro coral. Para se redimir do gol perdido, aos 37 minutos, Thalissinho fez grande jogada, e cruzou para Paulo Sérgio que deu um toque de classe no canto de André Luiz, colocando o Timbu na frente do clássico. A partir daí a Cobra Coral não teve mais forças para reagir e saiu de campo vaiada pelo seu torcedor. Por outro ladoi, o Timbu soube se defender e comemorou a vitória após o apito final.

FICHA DA PARTIDA:

 

SANTA CRUZ 1

André Luiz; Toty, Rafael Pereira, Paulo Cesar e Juan Tavares (João Victor); Caio Mello (Lucas Bessa) e Lucas Siqueira (João Pedro), Matheus Melo; Felipe Cardoso (Claudinei), João Diogo e Pedro Bortoluzo (Gabriel Cardoso). Técnico: Itamar Schülle.

 

NÁUTICO 2

Vagner; Danilo Belão, Robson Reis, Rafael Vaz e Luiz Paulo; Lorran (Igor Pereira), Marcos Júnior e Patrick Allan (Thalissinho); Ray Vanegas (Fernandinho), Júlio César (Kauan) e Evandro (Paulo Sérgio). Técnico: Allan Aal.

Local: Estádio do Arruda, no Recife

Horário: 16h30

Árbitro: Diego Fernando Silva de Lima (PE)

Assistentes: Clovis Amaral da Silva e Fernando Antonio Mendes de Salles Nascimento Filho (Ambos de PE)

Cartões amarelos: Matheus Melo, João Diogo e Toty (S); Robson Reis, Rafael Vaz e Luiz Paulo e Paulo Sérgio (N)

Gols: Marcos Júnior aos 02/1T e Paulo Sérgio aos 37/2T(N); João Diogo aos 21/1T (S)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *