Fale Conosco

Notícias

Segue o líder: Sport goleia Brusque na Arena de Pernambuco e se mantém invicto na Série B

Futebol é um jogo de imposição e o time de Mariano Soso sabe muito bem disso. Neste sábado (11), na Arena de Pernambuco, o Sport goleou o Brusque pelo placar de 4×1, com gols de Gustavo Coutinho, Tití Ortiz e Barletta duas vezes. Junto com os outros resultados da rodada, o Leão assumiu a liderança isolada da Série B e é o único time com 100% de aproveitamento. 


Como é de essência do Sport de Mariano Soso, a equipe buscou o ataque assim que o árbitro soou o apito inicial. O Leão logo alugou o campo de ataque já nos primeiros momentos e logo aos cinco minutos Dominguez levou perigo ao Brusque com um chute de fora da área, que o goleiro Matheus Nogueira espalmou para fora. Já aos 18 minutos, Lucas Lima foi até a linha de fundo e cruzou. A bola passou por toda área e sobrou para Alan Ruiz, que emendou de primeira mas mandou para fora. 


Ainda aos 20 minutos o Sport seguia pressionando. O Leão roubou a bola ainda no campo de ataque, trocou passes dentro da área adversária até que  Lucas Lima encontrou Romarinho na pequena área, o camisa 11 teve pouco tempo para dominar e finalizar, ficando no goleiro Matheus Nogueira. 


A equipe da casa conseguia construir pelos dois lados, mas era pela direita com Pedro Lima que saía com mais perigo. Aos 37, o jovem de 17 anos foi acionado, invadiu a área e cruzou rasteiro, mas Gustavo Coutinho chegou atrasado e não empurrou para o gol. 


‘Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura’ e aos 40 minutos, Felipinho tabelou com Alan Ruiz e foi derrubado dentro da área. A cobrança ficou ao cargo de Gustavo Coutinho, que deslocou o goleiro pro lado esquerdo e mandou a bola para o lado direito, abrindo o placar do jogo. 


Antes que o primeiro tempo acabasse, o Sport ainda teve a chance de ampliar. Em uma contra-ataque pela esquerda, Romarinho fez grande jogada individual e finalizou com perigo. 




A equipe de Santa Catarina veio com a proposta clara de jogar nos contra-ataques, mas só veio levar perigo no início do segundo tempo. Diego Tavares arrancou pela direita e finalizou, Caíque França deu rebote que quase deu para Marcos Serrato empurrar pro gol, mas a defesa rubro-negra afastou. Alguns minutos depois, Olávio teve outra chance em uma contra-ofensiva e outra vez o goleiro do Leão foi bem no lance e evitou o empate. 


Identificando que o Leão voltou mais apático, Mariano Soso tratou de mudar a equipe e promoveu a entrada de Titi Ortiz aos 15 do segundo tempo, e o torcedor não precisou de muito tempo para ver o efeito disso. Depois de trocas de passes, a bola sobrou para Coutinho, que tentou finalizar da entrada da área mas foi bloqueado, na sobra a bola se ofereceu para Ortiz só empurrar para o gol, ampliando o placar aos 16 do segundo tempo. 

 

Com sede de gol, o Rubro-negro não parou e aos 28 chegou ao terceiro gol. Em cobrança de escanteio, Ortiz bateu com bastante força, a bola viajou toda a extensão da grande área e caiu no segundo pau, onde Barletta, como um elemento surpresa, cabeceou sem precisar sair muito do chão, ampliando na Arena. 


Apesar da desvantagem em campo, o Brusque não jogava necessariamente mal. Aos 34, Guilherme Queiroz roubou a bola na entrada da área e depois obrigou Caíque França a trabalhar, enviando para escanteio. Na cobrança do esquinado, Keké subiu alto e testou para diminuir, aos 35. 


Os visitantes cutucaram o Leão com a vara curta. Sem querer passar algum susto na partida, o Sport foi para decidir o jogo. Aos 42 minutos, Barletta foi acionado e partiu para cima pela esquerda, a bola circulou de pé em pé até Rosales pelo lado direito, o venezuelano cruzou rasteiro e encontrou Barletta, que finalizou para decretar a vitória na Arena de Pernambuco. 

 


FICHA TÉCNICA


Sport 4


Caíque França; Pedro Lima (Rosales), Rafael Thyere, Luciano Castán e Felipinho; Felipe, Fabrício Dominguez e Alan Ruiz (Titi Ortíz); Lucas Lima (Barletta), Romarinho (Vini Farias) e Gustavo Coutinho. Técnico: Mariano Soso


Brusque 1


Matheus Nogueira; Pivô (Ronei), Salustiano, Ianson e Marcelo; Rodolfo Potiguar, Marcos Serrato e Dionísio (Paulinho Mocellin); Diego Tavares (Jhemerson), Olávio (Keké) e Osman (Guilherme Queiroz). Técnico: Luizinho Lopes 


Local: Arena de Pernambuco (São Lourenço da Mata/PE)

Árbitro: João Vítor Gobi (SP)

Assistentes: Evandro de Melo Lima e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (ambos de SP)

VAR: José Cláudio Rocha Filho (FIFA/SP)

Gols: Gustavo Coutinho aos 42 do 1T, Titi Ortiz aos 16 do 2T, Barletta aos 28 e 42 do 2T (S) Keké aos 35 do 2T (B)

Cartões amarelo: Pedro Lima, Titi Ortiz, Felipe (S) Rodolfo Potiguar, Ronei (B) 

Cartão vermelho: Keké (B)

Público: 25.705


Renda: 429.755,00


 

Veja também

Mariano Soso elogia consistência do Sport na goleada aplicada diante do Brusque

Sport

Mariano Soso elogia consistência do Sport na goleada aplicada diante do Brusque

Flamengo afasta crise com vitória contra Corinthians no Brasileiro

Futebol Brasileiro

Flamengo afasta crise com vitória contra Corinthians no Brasileiro

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *