Fale Conosco

Notícias

Zverev sobrevive a mais 5 sets e volta às quartas em Paris

Paris (França) – Assim como já havia acontecido em seu jogo da terceira rodada de Roland Garros, Alexander Zverev sobreviveu a mais uma batalha de cinco sets para chegar às quartas de final. Depois de ter escapado da derrota contra Tallon Griekspoor no último sábado, o alemão superou nesta segunda-feira o dinamarquês Holger Rune, número 13 do ranking, por 4/6, 6/1, 5/7, 7/6 (7-2) e 6/2 em 4h11 de partida.

Ainda em busca do primeiro título de Grand Slam aos 27 anos, Zverev chega pela sexta vez às quartas de final em Paris e busca sua quarta semifinal seguida em Roland Garros. O ex-número 2 do mundo e atual quarto colocado enfrenta na próxima fase o australiano Alex de Minaur, 11º do ranking, e algoz de Daniil Medvedev. O alemão lidera o histórico por 7 a 2. Zverev também amplia seu ótimo retrospecto em partidas definidas no quinto set, com 23 vitórias e 11 derrotas. Na atual temporada, ele venceu quatro duelos de cinco sets e perdeu apenas um, para Medvedev, na semifinal do Australian Open.

Por sua vez, Rune tentava chegar às quartas de final em Paris pelo terceiro ano consecutivo. O jovem dinamarquês de 21 anos e número 13 do mundo também ficou entre os oito melhores do US Open no ano passado. Seu melhor ranking é o quarto lugar e ele buscava sua 16ª vitória contra top 10 na carreira e a segunda na temporada. Rune havia vencido o único duelo anterior contra Zverev, no saibro de Munique em 2022.

Primeiro set com apenas uma quebra, domínio do alemão no segundo

A partida começou com games rápidos e domínio dos sacadores até que Rune conseguisse a única quebra do primeiro set para fazer 3/2. No game seguinte, ele sobreviveu a três break-points para não ter o serviço ameaçado até o fim da parcial. Zverev reagiu no começo do segundo set, prevalecendo em games longos e com duas quebras para abrir 4/0. Além de atacar o segundo saque de Rune, o alemão tentou ser mais sólido nos ralis e usando algumas bolas mais altas. O dinamarquês até saiu do zero, ao devolver uma das quebras, mas voltaria a perder o saque no fim do set.

Zverev ficou a um game da eliminação e sobreviveu

A reação de Zverev na partida não abalou a confiança de Rune, que saiu vencendo o terceiro set por 2/0, mas o alemão logo devolveu a quebra e igualou a disputa de imediato. Com o placar empatado por 5/5, Rune não se deu bem em duas curtinhas, em uma o alemão chegou e a outra foi para fora. Com isso, enfrentou um 15-40, mas conseguiu se salvar jogando de forma agressiva. No game seguinte, foi Rune quem teve duas oportunidades de quebra. Zverev salvou a primeira em um rali com 39 trocas de bola, mas depois errou um voleio que definiu a parcial.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

O número 4 do mundo começou melhor no quarto set e conseguiu a quebra depois de fechar muito bem a rede e impedir que Rune aplicasse um lob ou passada. Ainda assim, o dinamarquês devolveu a quebra na sequência e ainda escapou de um break-point com uma excelente curtinha para fazer 3/2. As oscilações continuavam, já que o alemão voltou a quebrar e abriu 5/3, mas não aproveitou a chance de sacar para o set e empatar a partida. Com um novo 5/5 no placar, Rune fez um game de saque impecável e passou a pressão para o outro lado. Foi a vez, então, do alemão sacar muito bem, além de fazer um tiebreak muito consistente para igualar o jogo.

O momento da partida era totalmente favorável a Zverev no quinto set. Ele não enfrentou break-points e cedeu apenas três pontos em seus games de serviço. Com pressão constante sobre os games de saque de Rune, teve os primeiros break-points logo cedo, mas o rival conseguia se salvar. O dinamarquês fez o possível para tentar se salvar com as curtinhas, mas o estilo já estava previsível e Zverev chegava muito bem em todas as bolas. O alemão conseguiu duas novas quebras e fechou a partida.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *